Saúde e Bem Estar Suplementos

Zinco – Quais os benefícios, para que serve, alimentos ricos e como tomar3 min read

jan 10, 2022 2 min

Zinco – Quais os benefícios, para que serve, alimentos ricos e como tomar3 min read

Reading Time: 2 minutes

Você sabia que o zinco é um mineral imprescindível para o corpo humano? É responsável por manter a saúde, pois, participa de 300 reações químicas do organismo, contudo, não é produzido pelo corpo humano, logo, deve ser consumido por suplementação ou alimentação.

A falta de zinco é prejudicial, causa diversas alterações, principalmente na constituição de hormônios e no sistema imunológico.

Não há dúvidas de que é um mineral essencial, certo? Continue acompanhando esse guia para entender melhor sobre o assunto.

Afinal, quais são os benefícios do Zinco? Entenda!

É interessante consumir o zinco, pois, o mineral proporciona diversos benefícios para o organismo humano, como:

1: Auxilia no tratamento de depressão, já que facilita algumas sinapses, que são sinais compartilhados entre os neurônios, isso é capaz de afastar a forte melancolia;

2: Responsável por melhorar a imunidade, o consumo diário de zinco poderá diminuir em 30% a possibilidade de ser prejudicado com a gripe comum;

3: Excelente aliado para se livrar das acnes, quem sofre com esse tipo de problema, possui níveis baixos do nutriente, logo, o consumo age como anti-inflamatório;

4: Proporciona melhorias para o sistema cardiovascular, pois, ajuda no controle de substâncias que se envolvem na manipulação da pressão;

5: Reduz o risco de inflamação, já que consegue promover a redução do estresse oxidativo e do nível das proteínas inflamatórias.

Para que o zinco serve?

De forma geral, o zinco é fundamental para o organismo humano. Conforme pesquisas científicas, o nutriente é responsável por participar nas interações das mais de 200 enzimas que se envolvem na sustentação de várias vias metabólicas do corpo.

Compreenda que o zinco serve para defender o sistema imunológico, estimular o crescimento, é antioxidante, faz diferenciação celular, previne a diabetes e é estimulante da tireoide. Sendo assim, não há dúvidas de que é um mineral indispensável para qualquer pessoa.

É necessário salientar que a deficiência do zinco no organismo acaba resultando em:

• Dificuldade na capacidade cognitiva;

• Anorexia;

• Prejuízos oxidativos;

• Enfermidades de infecção;

• Dermatite;

• Danos neuropsicológicos.

Como fazer a ingestão de zinco? Descubra!

É fundamental entender que o zinco é um mineral que o corpo humano não produz, desta maneira, é necessário ser consumido seja por meio da suplementação, seja pela alimentação.

A falta de zinco no corpo pode exigir a suplementação de zinco, contudo, nesse cenário, é fundamental que haja acompanhamento de algum especialista, médico ou nutricionista, pois, esse mineral em excesso acaba sendo um prejuízo para o organismo.

Quando o consumo de zinco é realizado através de alimentos, a recomendação é que mulheres adultas consumam 9 mg e os homens 11 mg.

Os alimentos ricos em zinco são:

• Ostras;

• Fígado;

• Carne de boi;

• Semente de abóbora;

• Amêndoa;

• Feijão;

• Grão-de-bico;

• Camarão;

• Castanhas.

É indispensável seguir uma dieta que tenha esses alimentos, já que mantém o nível de zinco regulado.

O suplemento é fortemente recomendado para aqueles que praticam exercícios físicos, principalmente atividades intensas, pois, aumenta a necessidade de substâncias antioxidantes.

Consequentemente, quanto mais a pessoa se exercita, maior é a demanda de zinco, logo, é indicado o suplemento.

Acesse o nosso blog diariamente para ficar por dentro de assuntos como saúde, qualidade de vida, esportes e suplementos.

Avatar

O seu endereço de e-mail não será publicado.