Saúde e Bem Estar Suplementos Whey Protein

Intolerância à lactose e uso de Whey Protein3 min read

fev 25, 2022 2 min

Intolerância à lactose e uso de Whey Protein3 min read

Reading Time: 2 minutes

A intolerância à lactose é um distúrbio digestivo causado pela incapacidade de digerir o principal carboidrato dos produtos lácteos: a lactose.

Se você tem intolerância à lactose, isso significa que você não produz o suficiente da enzima lactase. A lactase é necessária para digerir a lactose. Essa enzima lactase quebra a lactose em glicose e galactose para que seu corpo possa usar esses açúcares simples como energia. Mas sem lactase suficiente, a lactose se move pelo intestino sem ser digerida. Quando a lactose não é digerida, você pode começar a sentir sintomas como inchaço, diarreia e dor abdominal.

Ser intolerante à lactose é uma condição séria?

Não, não é. Pode ser combatido reduzindo o consumo de lactose ou com comprimidos que auxiliam na digestão. Exames de sangue, teste de respiração ou análise de fezes podem ser usados ​​para o diagnóstico.

A intolerância à lactose não se apresenta da mesma forma em todos os casos. Algumas pessoas têm maior tolerância do que outras. Por exemplo, alguns não conseguem digerir leite adequadamente, mas podem consumir derivados como iogurte ou queijo sem desconforto.

Posso consumir Whey Protein mesmo sendo intolerante à lactose?

A resposta é simples: sim. A proteína do soro de leite oferece benefícios significativos, mesmo para pessoas com intolerância à lactose. É uma fonte de nutrição de alta qualidade que fornece aminoácidos essenciais – na quantidade certa – que são facilmente absorvidos.

Os benefícios do consumo de whey protein  incluem rápida recuperação muscular, aumento da construção muscular, impacto comprovado na gordura corporal e melhor resposta do sistema imunológico.

No entanto, é necessário avaliar o grau de intolerância, para que possíveis imprevistos sejam evitados.

Qual o melhor Whey Protein para intolerantes à lactose?

Para os intolerantes à lactose, a melhor opção é utilizar o Whey Protein Isolado.

O Whey Protein Institute concorda, afirmando que os isolados de soro de leite em pó têm pouca ou nenhuma lactose, mas eles incentivam os consumidores intolerantes à lactose a lerem completamente os rótulos dos ingredientes do suplemento e entrarem em contato com os fabricantes antes de usar isolados se houver alguma dúvida sobre a quantidade de lactose que eles podem consumir.

A Amino Active Australia, uma empresa de treinamento e suplementos fundada por um fisiculturista e bioquímico de nutrição esportiva, observa que os isolados de proteína de soro de leite puro contêm menos de 0,1 grama de lactose por 20 gramas de pó, que é menos lactose do que a quantidade encontrada em 1 xícara de iogurte.

Alternativas sem lactose

O Whey Protein está longe de ser a única opção de shake no mercado. Existem muitos pós de proteína sem laticínios disponíveis, com fontes de ervilhas, cânhamo, arroz integral, cranberries, soja, ovos e outros alimentos. Você também pode evitar shakes de proteína completamente. Mas, não importa qual proteína em pó alternativa você selecione, você deve sempre verificar os rótulos. Os pós de proteína com sabor (por exemplo, chocolate) podem conter laticínios, mesmo que a proteína em si não seja derivada de laticínios. É importante sempre checar duas vezes.

Acesse o nosso blog diariamente para ficar por dentro de assuntos como saúde, qualidade de vida, esportes e suplementos.

Avatar

O seu endereço de e-mail não será publicado.